27 Sábado 22:30 - Teatro Esther de Carvalho, Montemor-o-Velho

PAULA DIOGO // Terra Nullius

residência de criação, apresentação informal


© Paula Diogo
© Paula Diogo

Terra Nullius foi um termo criado pela lei internacional para definir territórios que não pertenciam a ninguém e por isso podiam ser ocupados e declarados como território “novo”. Etimologicamente significa terra de ninguém, terra sem dono, terra que não pode ser reclamada, ponto zero. Ainda hoje existem territórios Terra Nullius como: Bir Tawill (uma faixa de terra entre o Egipto e o Sudão), a Antártida, o mar internacional, e a Lua e os corpos celestes. No livro Terra Nullius: A Journey Through No One's Land, o escritor Sven Linquivist explica como este termo foi usado para justificar aquilo que só recentemente começou a ser chamado de genocídio. Terra Nullius encerra também um significado poético. Uma ideia de território inexplorado e não reclamado, uma espécie de oásis de liberdade onde seria possível recomeçar e repensar a nossa ideia de sociedade. Interessa-nos com este projecto atravessar linhas de pensamento que proponham uma visão crítica da nossa sociedade contemporânea, reflectindo sobre a sua génese e a sua falência permanente. Relocalizar questões de autonomia e demarcação de uma identidade cultural ou pessoal. Se nos fosse permitido voltar ao ponto zero conseguiríamos fazer tudo diferente? Ou tudo irremediavelmente igual? O espectáculo TERRA NULLIUS é simultaneamente uma viagem interior e exterior, uma reflexão sobre o que nos prende aos lugares. Este trabalho começou a ser desenvolvido no biénio 2018-2019 durante a frequência do MFA em Performing Arts da Iceland Academy of Arts (LHÍ)

PAULA DIOGO


Um projecto de Paula Diogo

em colaboração com Alex Cassal, Agapi Dimitriadou, Daniel Worm, Estelle Franco, Renato Linhares, Sérgio Henriques, entre outros.


A classificar pela CCE / 60' aprox




JULHO

25 Quinta a 3 Agosto (15:00/19:00) - Casa das Artes Bissaya Barreto, Coimbra // LOOPS.LISBOA


25 Quinta 18:00 - Casa das Artes Bissaya Barreto, Coimbra // Lançamento do Livro “Dissecação de um Cisne” de MIGUEL BONNEVILLE


25 Quinta 21:30 - Teatro da Cerca de São Bernardo, Coimbra // JOÃO FIADEIRO // From afar it was an island. De perto, uma pedra


25 Quinta 23:30 - Salão Brazil, Coimbra // MIGUEL  BONNEVILLE // Dj Set BlackBambi


26 Sexta 21:30 - Teatro Académico de Gil Vicente, Coimbra // IVÁN HAIDAR // Otra Línea - Todo tiempo presente construye un pasado


27 Sábado 22:30 - Teatro Esther de Carvalho, Montemor-o-Velho // PAULA DIOGO // Terra Nullius


AGOSTO

1 Quinta e 2 Sexta 22:30 - Garagem Auto Peninsular, Figueira da Foz // SÓNIA BAPTISTA // Triste in english from spanish (redux)


3 Sábado 22:30 - Sala B, Montemor-o-Velho // JOHN ROMÃO e SILVIA COSTA // As Tentações de Santo Antão


8 Quinta, 9 Sexta e 10 Sábado 22:30 - Pavilhão Multiusos, Carapinheira // RODRIGO GARCÍA // PS/WAM Piano Sonatas Wolfgang Amadeus Mozart


9 Sexta e 10 Sábado 20:00/21:00 - Rua Combatentes da Grande Guerra 22, Montemor-o-Velho // SUSANA PAIVA // Anatomia de uma imagem


15 Quinta e 16 Sexta 22:30 - Núcleo Museológico do Sal, Figueira da Foz // TEATRO DO VESTIDO // Mãos gretadas (ainda às voltas com o sal)


17 Sábado 20:00/21:00 - Rua Combatentes da Grande Guerra 22, Montemor-o-Velho // SUSANA PAIVA // Anatomia de uma imagem


17 Sábado 22:30 - Sala B, Montemor-o-Velho // ROCÍO MOLINA // Impulso Citemor


JUNHO

15 Sábado 22:00 - Centro de Artes e Espectáculos, Figueira da Foz // ROCÍO MOLINA // Caída del Cielo



No acesso a todos os espectáculos é o espectador que define o preço do bilhete

Apoios